O Serviço Social Autônomo (Servas), em parceria com a Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais (ESP-MG), apresentou, nesta semana, a cartilha “Cuidando da Gestante e do Bebê”. O lançamento fez parte da programação de mais um curso Carinho de Mãe, para gestantes em situação de extrema vulnerabilidade social.

O material foi inteiramente desenvolvimento por profissionais com vasta experiência na área da saúde de grávidas e recém-nascidos. Trabalharam no desenvolvimento da cartilha, além de especialistas da ESP-MG, profissionais da Maternidade Odete Valadares e dos Hospital Sofia Feldman e Hospital das Clínicas.

A cartilha é distribuída, gratuitamente, para as grávidas que participam do curso Carinho de Mãe, do Servas, e estará disponível no site da instituição (servas.org.br), em breve, para download

“É mais um sonho que está sendo realizado. Agora, além das informações que as futuras mães recebem em nosso curso, elas terão um material para consulta quando tiveram qualquer dúvida durante a gestação e no pós-parto. É para somar ao Carinho de Mãe, que já é um sucesso”, destacou a presidente do Servas, Carolina Pimentel, na solenidade no auditório da ESP-MG, na terça-feira (20/3).

O diretor da ESP-MG, Edvalth Rodrigues Pereira, destacou que somente com a união de forças, recursos e vontades conseguimos de fato efetivar ações e reforçou a importância das parcerias para melhorar a saúde da população mineira. "Agradeço imensamente a cada uma de vocês que se dedicaram a esse projeto e agradeço também ao Servas, pela confiança na Escola em ser a parceira no desenvolvimento desse belo projeto", disse.

Carinho de Mãe

Criado em 2015, o Carinho de Mãe chegou à sua 17ª edição. O objetivo é de levar informação de qualidade sobre os cuidados com a gestação e os primeiros meses da vida do bebê para as futuras mamães de todo o estado de Minas Gerais. As palestras são realizadas por profissionais voluntários com vasta experiência na área da saúde e do direito das mulheres e crianças.

Nesta edição, a novidade foi a participação do trio de blogueiras do programa Mulheres Elétricas, da Band. Bella Aires, Carol Gilbert e Geralda Francisca conversaram com as 106 gestantes participantes sobre empreendedorismo no pós-maternidade, resgate da feminilidade e consultoria de imagem.

Para a gestante Danielle Silva, as palestras foram inspiradoras. “O que vocês fazem é muito importante para nós, porque às vezes até a família nos desanima. Temos coisas em mente para fazer, mas vem um e diz que não vamos dar conta porque temos filho, temos família. Vocês foram uma inspiração para mim”, afirmou.

A blogueira Bella Aires não escondeu a emoção com a participação das futuras mamães. “Foi maravilhoso, principalmente o retorno dessas mães. Acho que foi melhor para mim do que para elas”, disse.

Carol Gilbert compartilhou o mesmo sentimento da parceira. “Foi um dos momentos mais emocionantes que já tive. Senti a energia das meninas, fiquei emocionada com a contribuição que a gente conseguiu dar. Foi um dia bastante especial”, avaliou.

Geralda Francisca, por sua vez, espera ter contribuído para o resgate feminino das gestantes. “Foi muito importante compartilhar a minha história de vida para essas mães que passam por um momento lindo, mas delicado. Espero ter contribuído”, comentou.

O Carinho de Mãe segue agora para Itambacuri, no Território Norte, com a Caravana Servas. Nesta quinta-feira (22/3), o curso será ofertado para as gestantes da cidade e de outros 30 municípios da região.

Por Agência Minas