Na última segunda-feira (23), a Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais (ESP-MG) realizou o lançamento do livro "Caminhando Contra o Vento: o cuidado e a cidadania na atenção a usuários de drogas", projeto colaborativo desenvolvido pela primeira turma da Especialização em Atenção a Usuários de drogas no SUS, realizada entre 2016 e 2017.

O livro, com contribuição de 41 autores, buscou estimular o aperfeiçoamento das pesquisas desenvolvidas ao final do curso pela turma e materializar o resultado conquistado pelos alunos.

>> Acesse aqui o livro! 

De acordo com Daniene Cássia dos Santos, psicóloga da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) e uma das autoras, o livro foi um grande desafio, que envolveu muita leitura e construção dos textos. “Tentamos identificar justamente como os artigos poderiam contribuir para prática do cotidiano dos trabalhadores do Sistema Único de Saúde (SUS) no campo de álcool e drogas, trazendo projetos de intervenção e relatos de experiências”, explica.

Marina Melo, representante dos autores do livro, acrescenta o conhecimento adquirido sobre saúde pública e coletiva após sua passagem pela Escola. "Cada semana de aula promoveu uma imersão nesse imenso universo do SUS, nos apresentado por grandes mestres, professores que tão diversos souberam semear o incentivo em fazermos um trabalho vivo, comprometido com o SUS, com os princípios da luta antimanicomial, da redução de danos, da clínica psicossocial, cuidados que incluem e promovem novas formas de existir e pertencer ao mundo", disse.

Homenagem

A atividade também foi espaço para homenagear a psicóloga Rosemeire Aparecida da Silva, falecida em maio do ano passado, que foi grande incentivadora do livro e das diversas das ações educacionais da ESP-MG.

Amigos e familiares se uniram durante o evento e compartilharem um vídeo com suas fotos, relembrando seu legado na implantação de um modelo eficaz na Reforma Psiquiátrica e na estruturação de uma clínica psicossocial e antimanicomial.

Ana Regina Machado, coordenadora da especialização, destaca a importante participação de Rosimeire Silva na luta para o fortalecimento no campo da saúde mental, álcool e drogas no Brasil. "Ela provocava a gente, para fazermos diferente, para fazermos melhor no futuro. Ela deixou para nós muitos ensinamentos, ela esteve e está com a gente. Para nós é uma honra receber todos os familiares que vieram de Pirapora para este momento", disse.

Soraia Ângelo, representante do Fórum Mineiro de Saúde Mental, relembra as origens e o ativismo da amiga. "Rosimeire Silva, mulher negra, de família humilde, moradora do interior. Já entendia que precisava lutar muito, a muito tempo por si só. Mas a diferença entre lutar e resistir, acontece quando entendemos que lutamos por muito e isso nos faz militantes. Defender causas, buscar transformar a sociedade através de ações e foi isso que a nossa querida Rose fez", disse emocionada.

Aula Inaugural

Ainda na programação, foi realizada a aula inaugural da segunda turma da especialização com o tema "Cuidado e cidadania na atenção a usuários de drogas no SUS", ministrada por Leon Garcia, psiquiatra do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

Em sua fala, ele destacou a importância da qualificação dos trabalhadores do SUS na transformação do trabalho com os usuários da saúde pública. "Nós temos sempre que refletir sobre isso. Fazer essa especialização e a experienciação de produzir um livro certamente é um estímulo para quem está aqui, para os trabalhadores do SUS que estão aqui pensarem e reverem suas práticas", apontou.

A Especialização em Atenção a Usuários de drogas no SUS tem o objetivo de capacitar os trabalhadores do SUS que atuam na saúde mental. Os alunos atuam em diferentes pontos da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) dos municípios mineiros e serão inseridos a conceitos e práticas de atenção a usuários de drogas, pautados pelos princípios e diretrizes de Redução de Danos, da Reforma Psiquiátrica e do SUS.

Diretor-geral da ESP-MG, Edvalth Pereira, parabeniza os autores do livro e dá as boas vindas aos novos alunos

Por Ayrá Sol Soares (Estagiária de Jornalismo - ASCOM/ESP-MG)