Acontece na próxima segunda-feira (25/06), a 1ª Reunião do Comitê Técnico de Saúde Integral da População Negra, órgão colegiado instituído pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), que tem a finalidade de formular e propor diretrizes de ação governamental, em âmbito estadual, voltadas para o combate à discriminação, à promoção da saúde integral e a defesa dos direitos das Populações Negra e Quilombola.

O encontro será sediado na Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais (ESP-MG), em Belo Horizonte, de 09h às 17h30.

Instituído através da Resolução Conjunta SES/ SEDESE/SEDPAC Nº0220, de 17 de maio de 2017, o Comitê Técnico de Saúde da População Negra tem como principal objetivo auxiliar e monitorar a implementação das ações de saúde para esta população, reconhecendo que o racismo é um fator de adoecimento dessa população e que afeta o acesso aos serviços de saúde.

Dessa forma, ao pensar na promoção da equidade no Sistema Único de Saúde (SUS), o primeiro passo é reconhecer que existem diferenças que devem ser consideradas na oferta dos serviços de saúde.

O Comitê Técnico de Saúde da População Negra é composto pelos seguintes segmentos: Tradição de Matriz Africana; Quilombola Rural; Quilombola Urbana; Movimento Negro; Mulheres Negras; Movimento Afro LGBT e Juventude Negra.

Via Blog da Saúde MG

Por Pollyana Teixeira (ASCOM/SES-MG)

Enviar para impressão